¡Síguenos!
RSS Subscríbete vía e-mail
RSSContador de Suscriptores de Winred
BoletinesSuscríbete al boletín
Ya somos más de 34561 suscriptos!
Usuario - - Acceso de Usuarios
Sábado - 20.Enero.2018

Estás en: Poetas famosos

O artista e o louco

ver las estadisticas del contenidorecomendar  contenido a un amigo
Enviado (15/03/2004)Enviado poradmin-
Etiquetas: João de Assis
Ela foi a minha mais doce ilusão...
Sim... não sei como pude ama-la tanto.
Houve um tempo que cheguei até perder a razão...
E ela, sem saber, esteve bem perto da morte...
Em minha mente diabólica, só ela ia morrer...
Não queria correr o risco de deixar que
eles se encontrassem novamente na eternidade...
É... eu fui um louco, transvestido de artista...
Quando na rua, nós nos encontravamos,
o artista entrava em cena...
Tinha que dissimular toda a minha paixão...
E entre cumprimentos e beijinhos na face,
meu peito sangrava... meu coração chorava...
Quando os deixava, o louco voltava a maquinar...
Como uma amizade podia ser tão falsa...
Se não fosse o temor que nutria por meu Deus,
juro que tinha interrompido aquele idílio,
que tanto mal me fazia...
E minha cruz foi maior ainda, quando
me convidaram para cantar,
junto com o coral da igreja, no dia das núpcias...
Foi a Ave Maria mais triste,
que cantei em toda minha vida...
As lágrimas desciam misturadas ao suor...
Mas não desafinei em momento algum...
Inexoravelmente, a velhice chegou... chegou para nós três.
Mas, não para o meu amor...
Ele não envelheceu nem um pouquinho...
E era ele que não deixava ver estes sinais na face dela...
Ela continuava linda para mim, como sempre o fora...
Um dia, chegou-me a noticia de um acidente.
E disseram: a morte levou o marido dela...
Eu seria hipócrita, se dissesse que sentia muito...
Meu coração vibrou...
Voando fui até à Santa Casa, ávido por noticias.
A fria recepcionista, que me atendeu,
sem tirar os olhos daquilo que fazia, disse:
-- O marido se encontra na UTI;
a esposa, foi liberada...para velório...
Compártelo:meneamedeliciousgoogle bookmarkstwitterfacebooktumblr
Vota:
Resultado:
(0 votos: promedio 0 sobre 5)
COMENTARIOS
Añadir nuevo comentario como [conectarse]
0 Caracteres escritos / Restan 1000
Esta web no se hace responsable de los comentarios escritos por los usuarios. El usuario es responsable y titular de las opiniones vertidas. Si encuentra algún contenido erróneo u ofensivo, por favor, comuníquenoslo mediante el formulario de contacto para que podamos subsanarlo.
ir arriba

Uso de cookies

Utilizamos cookies propias y de terceros para mejorar la experiencia de navegación y ofrecer contenidos y publicidad de interés. Al continuar con la navegación entendemos que se acepta nuestrapolítica de cookies. Aceptar